MAIN
Home
BACKGROUND
Teachings
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ

 

FAQ
FAQ
MAIS RECURSOS
Magazine
 
 

 
 
 Início >> do Mestre>>Outubro 2010

Share International HomeShare International HomeBackground information

mensagem anterior mensagem seguinte

A Terra transformada

do Mestre, por Benjamin Creme - 13 de setembro de 2010

Em cerca de 20 anos a partir de agora, qualquer visitante na Terra ficaria surpreso pelas transformações que ele encontraria em cada aspecto de nossas vidas. O melhor do passado estará preservado, mas uma nova e vigorosa beleza prevaleceria em todo lugar, e uma nova relação teria sido estabelecida entre as pessoas e o ambiente no qual elas vivem. Para sempre terão desaparecido as favelas e casebres nos quais milhões hoje economizam para “viverem”. Um novo orgulho no “Homem” gerará uma preocupação igualitária em relação às atividades recreativas e sociais dos homens, e levará gradualmente a uma nova compreensão das necessidades básicas do homem. Novas tecnologias libertarão incontáveis milhões da dureza do trabalho repetitivo; a demanda por conhecimento em cada campo irá largamente abrir as portas de universidades, assim como de fábricas e fazendas, e um novo entusiasmo para aprender irá se manifestar ao redor do mundo. Assim os homens irão compreender melhor os propósitos que delimitam nossas experiências encarnacionais e assim também crescerá a necessidade de controle dos nossos equipamentos físico, astral e mental. Isto levará os homens às portas da Iniciação e assim ao aperfeiçoamento.

Assim os homens irão retornar mais uma vez ao antigo Caminho em direção à Perfeição e, livres dos glamoures e erros do passado, caminharão mais uma vez o caminho do sacrifício, da renúncia de tudo o que dificulta a mais alta compreensão e luz. O homem tem permanecido longe deste simples caminho, seguido de perto por um grosseiro materialismo que o seduziu à beira do desastre. Mas, como o homem irá perceber, a eterna divindade, mais uma vez, afirmou-se e puxou o homem de volta da margem.

Um número crescente de pessoas, em todos os lugares, estão começando a perceber que isto é verdade, e a despertarem para trabalho de transformação. Desta maneira, eles percebem o seu próprio senso de responsabilidade aumentados, e respondem a altura. Assim os trabalhadores do futuro são encontrados e assim também o mundo muda para melhor.

Firmemente
Ainda quietamente, mas firmemente, Maitreya trabalha para potencializar este processo. Suas energias beneficentes agem como fermento para elevar a aspiração e fortalecer a determinação de todos os que podem responder. Estes são muitos, e assim se constrói um grande exército de trabalhadores na luz, a luz que irá transformar o mundo e garantir o futuro para todos os homens.


Perguntas e Respostas
- uma seleção da revista deste mês

P. Quantas entrevistas na televisão Maitreya já deu até agora?
R. Vinte e quatro (13 de Setembro de 2010).

P. Como as pessoas responderam as entrevistas de Maitreya na televisão—foi melhor ou pior do que o esperado?[ Pergunta feita na palestra de Benjamin Creme em São Francisco, EUA, Agosto de 2010]
R. Meu Mestre disse que foi de certa forma melhor do que o esperado. Ele faz as pessoas pensarem, e elas pensaram profundamente sobre o que Ele falou. Ele o fala de uma maneira muito calma, sem ostentação, e sem nenhuma exibição desnecessária. Elas o vêem como um homem comum. Ele não quer amedrontar as pessoas que Ele deseja ajudar...

P. Inundações, secas, incêndios, deslizamentos de terra, vulcões—o tumulto e a destruição no mundo hoje—parecem ter chegado a um novo nível . Isto é verdade? E é tudo devido ao carma do país em particular envolvido?
R. A humanidade está passando por um período de grande estresse e desequilíbrio. Os devas que controlam as forças da natureza estão sendo colocados fora de equilíbrio, daí o tumulto e a destruição. Parte desta destruição vem de fato do resultado do carma de países em particular.

P. O Brasil está preparando-se para construir uma gigantesca barragem hidrelétrica numa área da Amazônia; sua construção irá custar aos povos indígenas suas casas e o seu meio ambiente. Uma grande parte da floresta será destruída de maneira irreparável. Nosso planeta depende das florestas tropicais; este seria um caso no qual os Mestres poderiam intervir para salvarem a floresta?
R. Não, isto seria infringir no livre-arbítrio da humanidade e nunca ocorreria. É na verdade um caso para uma decisão por parte das Nações Unidas. O Brasil é gigantesco e existem certamente áreas menos destrutivas para tal barragem.

P. Ativistas indianos obtiveram sucesso em impedir a construção de uma grande barragem no Rio Ganges; os ativistas estavam certos em lutarem contra um cenário que iria, ao final de tudo, trazer-lhes muitos benefícios?
R. Sim. É uma questão de pesar os benefícios contra a destruição.

P. Alguns países estão determinados em barrar a imigração e para isso eles constroem muros para impedirem o que seriam imigrantes ilegais de entrarem, ou eles saem à procura e deportam pessoas que já se estabeleceram. Fazem apenas 20 anos que o Muro de Berlin caiu graças ao poder das pessoas. O que pode ser feito para prevenir os governos de construírem muros de separação e/ou deportarem pessoas em grande número?
R. Pelo mesmo método: o poder das pessoas!

P. Se as pessoas possuem ideais, mas não agem quanto a eles, o que pode ser feito para que nos livremos da complacência da qual a humanidade sofre agora?
R. De fato. Complacência é a doença... A resposta ao problema econômico é a redistribuição dos recursos do mundo. Isto criaria justiça universal, e portanto, paz. É o único caminho para a paz.

P. As naves espaciais podem ser abatidas pelas nossas armas? Elas podem cair?
R. As naves espaciais não podem ser abatidas por nossas armas já que cada nave possui ao seu redor um campo magnético que repele todo tipo de armamento; ele pode colocar as armas fora de trajetória. As naves espaciais são impenetráveis. Elas são literalmente invulneráveis; no entanto, algumas vezes no passado as Pessoas do Espaço sacrificaram-se em quedas simuladas de seus veículos como no incidente em Roswell...

P. O que a humanidade pode fazer para impedir o crescimento do terrorismo e da destruição? [ Pergunta feita na palestra de Benjamin Creme em Los Angeles, EUA, Agosto de 2010.]
R. Terrorismo, de acordo com os Mestres, é basicamente o resultado da injustiça...
O Terrorismo está se tornando cada vez mais sofisticado. Você não pode lutar contra ele por meio de uma guerra porque você não sabe da onde que ele está vindo—ele pode vir de qualquer país do mundo.



mensagem anterior mensagem seguinte


HomeCopa

  | INÍCIO |