MAIN
Home
BACKGROUND
Teachings
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ
FAQ

 

FAQ
FAQ
MAIS RECURSOS
Magazine
 
 

 
 
 Início >> do Mestre>>Junho 2016

Share International HomeShare International HomeBackground information

mensagem anterior mensagem seguinte

 

Pedido de apoio!

Veio ao nosso conhecimento que mais e mais pessoas estão recebendo nossa informação apenas pelo website, desta maneira, renunciando ao pequeno custo de assinar a revista Share International.

Nem todos podem, ou usam a internet, e é essencial ter uma expressão física externa, que pode apresentar com fotos, os eventos dos quais falamos. Isto significa que é necessário que haja uma revista, que,é lógico, requer uma grande quantidade de trabalho de voluntários, e muito dinheiro para ser produzida. Talvez exista a idéia de que a Hierarquia distribua dinheiro para este trabalho, mas este não é o caso. Assinaturas para a Share International são uma parte essencial para manter o nosso trabalho e alcançarmos o público. O custo da assinatura é mantido o mais baixo possível, a revista não é patrocinada por propagandas e custo postais e de impressão estão aumentando a todo o momento.

Certamente nós todos concordamos que todos aqueles que seriamente acreditam neste trabalham gostariam de ajudar a revista, sejam eles leitores ou não das informações pela internet.

Obrigado pelo seu apoio.


 

A orientação de Maitreya

pelo Mestre—através de Benjamin Creme, Setembro 2005

Não importa o quanto eles tentem, políticos e outros líderes acham cada vez mais difícil controlar os eventos e manterem seus “navios” sobre controle. Eles acham que, apesar de suas experiências, eles estão se movendo por si só, como se estivessem sobre a influência de alguma mão invisível. Esta mão invisível, é lógico, é a lógica da mudança. Eles falham em compreender que as regras e métodos pelos quais eles trabalham pertencem ao passado, e possuem pouca relevância aos problemas e necessidades de hoje. Eles se encontram e discutem estes problemas, mas invariavelmente, fogem das ações que, sozinhas, os resolveriam. Enquanto isso, em vários graus, as pessoas sofrem, e aguardam pelo bom senso e intuição que aliviariam suas tensões. Elas sabem, em seus corações, que libertação é possível e deve ser delas, mas não têm, ainda, as estruturas e poder para fazê-lo.

Não para sempre as pessoas esperarão. Já, os sinais de discórdia e impaciência estão aparecendo pelo mundo, pedindo aos líderes para satisfazerem suas necessidades e aflições. Os líderes, homens sem visão, procuram por promessas e medidas paliativas afim de pararem a crescente demanda por equidade e justiça. Eles o fazem em vão. As pessoas do mundo se apropriaram da visão da liberdade, da justiça e da paz, e não a deixarão ir. Elas, e não seus líderes, irão delinear o futuro e moldá-lo de acordo com suas necessidades. Assim será. Esta nova força no mundo—a voz das pessoas—está rapidamente ganhando força e coesão, e exercerá um papel principal nos assuntos do mundo, de agora em diante.

Maitreya aguarda Sua oportunidade para aumentar o poder e influência da voz das pessoas e para conduzir o seu rumo. Muitos são os fios que o formam, e que dissipam o seu fim. Sábia deve ser a orientação, portanto, afim de que menos ele perca seu caminho e dissipe sua força.

Única e simples, portanto, devem ser as demandas das pessoas. Muitos e variados são os seus problemas, mas universais são as suas necessidades: paz através da justiça e liberdade são as necessidades de todos os homens. Partilha, Maitreya aconselhará, é a chave para a criação da confiança sem a qual nada é possível. Partilhem e criem uma abençoada confiança, Ele falará ao mundo, e conheçam as benções da partilha e da paz. Nenhuma outra forma, Ele solenemente relembrará as nações, as trará a paz pela qual seus corações desejam. Assim será, e assim as pessoas chamarão pela partilha, e portanto, pela paz. Uma nova e potente opinião mundial demonstrará o seu poder e transformará em obsoletas as manobras e estratagemas dos homens de poder de hoje. Então, Maitreya Se declarará para todas as pessoas, e Se dedicará ao serviço delas por este tempo vindouro.


 

Perguntas e Respostas
- uma seleção da revista deste mês

P. Por causa do aquecimento global, calotas de gelo nos polos estão mudando, e de acordo com os cientistas da NASA, há uma mudança no movimento do planeta. Um pesquisador do laboratório Jet Propulsion da NASA, disse que houve uma “mudança dramática” desde 2.000, e, embora não vista como perigosa, esta mudança é devida “às mudanças climáticas, sem dúvida”. É correto dizer que o gelo derretendo está mudando a forma na qual a Terra gira?

R. Sim.

P. A Hierarquia Espiritual de Mestres ainda espera mais um colapso da economia global e do sistema financeiro?

R. Sim.

P. Parece que muita corrupção, em todas as esferas da vida, está vindo a superfície recentemente. Há uma razão pela qual tanta corrupção está sendo exposta agora? Há uma relação com as novas energias?

R. Sim, é o processo de limpeza das novas energias.

P. Em anos recentes, nós vimos o surgimento de vários exemplos de poder popular—o movimento Occupy, Podemos e Indignados na Espanha, e agora, Nuit Debout na França, que também parece estar se espalhando para países vizinhos.

Alguns destes movimentos populares parecem esfriar depois de um tempo—por que, já que no momento no qual eles se erguem, eles parecem tão robustos e determinados? O que precisa acontecer para sustenta-los?

R. A habilidade para trabalhar, trabalhar e trabalhar, e continuar seguindo em frente.

P. Vincent Callebaut, um arquiteto Belga, descobriu formas de se construir cidades no mar e na água. (1) No futuro, as cidades serão construídas na terra, e algumas, no mar? (2) Se possível, esta poderia ser uma solução para a questão dos refugiados do clima?

R. (1) Sim. (2) Sim, uma das alternativas.

P. Na edição de Julho/Agosto de 2013 da Share International, alguém fez uma pergunta sobre uma pomba pousando no palco no qual se encontrava Fidel Castro em 1959.

Em 25 de Março de 2016, em Portland, Oregon, EUA, o Senador Americano e candidato à Presidência, Bernie Sanders, estava falando para uma audiência de 11.000 pessoas, quando um tentilhão pousou sobre o seu pódio, para a maravilha da multidão. Eu me pergunto se este pássaro também foi dirigido por um Mestre?

R. Sim.

P. Você (1) acredita que nós estamos no extremo final da Kali Yoga Hindu (Era do Ferro). (2) Você concorda que nós estamos prestes a começar uma nova Era Dourada? (3) Como isso pode acontecer, quando a maioria das pessoas deste planeta estão fazendo escolhas baseadas no medo, ao invés do amor?

R. (1) Sim. (2) Sim. (3) Tudo isso mudará.

P. A túnica de Jesus que foi exibida em Argeneuil, França, em Abril de 2016, é autêntica?

R. Sim.

P. Quando eu visitei a Basilíca de St. Denis em Argenteuil, era inegável que havia uma perceptível energia—era a energia de Jesus? Jesus estava lá fisicamente, ou a energia estava emanando do vestuário?

R. Suas energias estavam emanando do vestuário.

P. O que é um “porta-voz”? Que processo está por detrás dele?

R. Alguém que fala por outra pessoa. Se um Mestre quer que alguém saiba de alguma coisa, ou que lhe seja dito alguma coisa, Ele pode, em um mayavirupa, um corpo auto-criado, falar, diretamente, Ele Mesmo. Se Ele não quiser gastar energia desta forma, ele pode pedir a alguém—um discípulo em algum nível, não necessariamente próximo à Ele—para falar, por Ele, com a pessoa. Os Mestres utilizam várias formas de se divulgar suas informações, e é normalmente muito difícil para nós dizermos, depois, qual foi o método preciso utilizado.

P. Eu tenho a ideia de que o “porta-voz” com o qual eu me encontrei não era sempre um “porta-voz”. Que, algumas vezes, ele era um “porta-voz”, e, algumas vezes, ele era ele mesmo, e que ele havia estudado os livros de Alice A.Bailey, e os seus. Eu estou correto?

R. Pode ser que sim. Dependeria do tipo de “porta-voz” utilizado. Ele pode estar mais próximo ou distante do Mestre envolvido. Em alguns casos que eu sei, o Mestre utiliza alguém bem conhecido pelos grupos visitados, um homem feito sozinho, por dizer, que mesmo assim, é solicitado diretamente ou indiretamente, a tornar conhecida tal e tal informação. Alguns destes discípulos podem ser bem versados nos ensinamentos esotéricos, outros podem ser novos e estarem fazendo este papel de porta-voz em um estágio relativamente inicial.

P. Por que o Mestre Jesus utiliza um porta-voz? Por que Ele não vem Ele Mesmo?

R. Isto economiza Seu tempo e energia. Nem tudo que preocupa o trabalhador grupal comum necessita de um grande gasto de energia da parte de um Mestre. Mantenham suas expectativas baixas! Ele faz a escolha.

P. Um “porta-voz” é uma pessoa altamente evoluída, ou todo mundo pode se tornar um “porta-voz”?

R. Porta vozes são escolhidos pelo Mestre, e eles podem estar em muitos níveis diferentes.

P. Um “porta-voz” tem contato telepático com o Mestre?

R. Algumas vezes sim, mas nem sempre. Eles podem ou não estar conscientes de que o Mestre está falando através deles.

P. Muitos anos atrás, Patricia Pitchon falou com um “porta-voz” de Maitreya. Você poderia comparar estes “porta-vozes”?

R. Foi muito diferente. A pessoa em Londres, chamada de “associado”, foi utilizada por Maitreya para divulgar aquilo que Ele queria tornar conhecido. Ele era um associado próximo de Maitreya, assim como um “porta-voz”.


 

Cartas ao editor

Anda mais uma milha

Caro Editor,
Em 25 de Abril de 2016, bem quando nós estávamos prestes a fechar o Centro de Informação (em Amsterdã), dois cavalheiros de meia idade entraram. Nós perguntamos se podíamos ajudá-los. Um deles disse com um sorriso: “Bem, talvez nós possamos ajuda-los!”. Eles perguntaram sobre “A união das Forças da Luz”—sobre a qual eles haviam lido em um panfleto em algum lugar—e o seu significado em termos práticos.

Eles tinham um ar de calma e de amável autoridade. Eles perguntaram sobre o que “a união das Forças da Luz” significava, como torna-la prática e o significado do trabalho deste grupo. Um deles também se referia a palavra “escuridão” no panfleto e nos tempos difíceis para muitas pessoas, e seu companheiro perguntou sobre como o trabalho deste grupo está ajudando. Nós conversamos por cerca de 30 minutos e eles continuaram balançando a cabeça, como se soubessem e concordassem com as prioridades de Maitreya e em como resolver os problemas do mundo hoje.

Nós falamos sobre unidade como uma qualidade da alma em relação com a separatividade e a forte individualidade da humanidade. Um dos homens disse que há também uma resistência a mudança e eu acrescentei, “devido a ignorância(também falando sobre nosso trabalho) e ao fato das pessoas terem medo de perderem sua individualidade e liberdade.” A analogia dos Mestres me veio e eu disse, “Os Mestres ainda têm individualidade”, para o qual um dos homens sorriu e disse: “Nossa, agora você realmente chamou a minha atenção”. Um deles mencionou a analogia da gota de água se tornando parte do oceano, para a qual eu respondi “Mas para alguns, isto também pode evocar medo de perder a identidade,” e ele respondeu, “Para mim, não haveria problema”, o que fez todos nós rirmos. Ele disse: “Também há outra analogia do pássaro verde voando na árvore verde. Parece que ele se torna um com a árvore, mas ele ainda é um pássaro”, como se ele estivesse ilustrando que (o medo de) perder nossa identidade certamente não significa perdermos nossa consciência.

Eles também quiseram saber sobre a Meditação de Transmissão e, depois de darmos a informação de fundo a eles, eles perguntaram se nós podíamos começar uma curta meditação, depois da qual eles nos agradeceram profundamente e foram embora. (1) Estes homens, que—em ocasiões anteriores—vieram aqui bem quando estávamos prestes a ir embora, eram “especiais”? (2) Há uma mensagem no fato de que, recentemente, muitos porta-vozes vieram ao Centro bem antes da hora de fecharmos ou depois do começo de uma palestra ou workshop? Poderia ser que esta é uma dica de que agora, nestes tempos extraordinários, mais é necessário de nós—que nós precisamos trabalhar um pouco mais, colocar mais energia e esforço do que antes?
Colaboradores do Centro de Informação, Amsterdã, Holanda.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma: (1) Eles eram porta-vozes do Mestre Jesus. (2) Sim!)

 

Duas cartas da mesma pessoa:

Regresso a casa

Caro Editor,
(1) Cerca de 20 anos atrás, eu vivi por alguns anos em uma situação muito difícil em Nice, e depois em Mougins, sul da França. Eu finalmente deixei esta região e retornei à casa do meu pai para me recuperar. Eu mal estava saindo do trem em Perigueux, quando uma mulher idosa se aproximou de mim na rua.

Espontaneamente, ela sugeriu que eu deveria procurar um doutor naturopata para cura. Eu tive certeza de que ela era um ser excepcional. Ela era um Mestre?

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que a “mulher idosa” era um porta-voz do Mestre Jesus.)

 

Encontro de Natal

Caro Editor,
(2) Mais de 20 anos atrás, eu fui convidado pela minha namorada a passar o feriado de Natal com a sua família em Objat, França. Enquanto estávamos andando na rua, nós passamos na frente de um carrossel para crianças. Um homem estava de pé, olhando as pessoas passarem.

Mal tive tempo de olhar para ele, quando eu repentinamente senti uma forte sensação. Eu deduzi que eu havia me encontrado com um ser completamente excepcional. Ele disse algumas palavras, talvez “boa noite”, que eu não entendi, já que eu estava muito distraído pela situação. Meus amigos não perceberam nada. Ele era um Mestre?
P.B., Toulouse, França.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que o homem era um discípulo de um dos Mestres.)

 

Duas cartas da mesma pessoa:

Musicoterapia

Caro Editor,
(1) Em 25 de Março de 2016, uma querida amiga veio me ver. Ela e seu marido estão extremamente cansados neste fim de ano. Eu conversei com ela sobre ajuda, mostrei-lhe benções em revistas da Share International anteriores e disse: “Há sempre ajuda, mas nós nem sempre reconhecemos a ajuda, porque nem sempre ela é do jeito que nós gostaríamos.” Durante esta conversa, o seu smartphone começou a tocar (com um toque normal), e já que ela estava com poucos créditos, ela decidiu colocar o celular no modo silencioso.

Nós continuamos nossa conversa sobre “ajuda” e...alguns minutos mais tarde, repentinamente, uma “música divina” começou a sair de seu celular, sem ela tê-lo tocado. Confusa, ela tentou descobrir o que estava ocorrendo ao pressionar todos os botões. Nós não conseguimos entender o ocorrido, e também ficamos impressionadas pelo tipo de música que começou com uma tambura (um instrumento de cordas Indiano), com um tom que continuou por muito tempo e parece te levar para outro mundo (um mundo sem problemas), no qual apenas a divindade existe. Então, vozes começaram como um tipo de “invocação”, uma música claramente espiritual ou religiosa, maravilhosamente bonita, como se ela tivesse vindo de um templo.

Quando, depois de cerca de um minuto, a música parou, nós continuamos a nossa conversa. Depois de alguns minutos, a música começou novamente, de novo com a tambura , seguida pelo canto. Nós ficamos absolutamente perplexas—de tão lindo e tranquilo que foi esta dádiva; nós a imediatamente aceitamos como um milagre.

Você, por favor, poderia nos explicar isso?

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que a música foi um presente de um importante indivíduo que trabalha para o Mestre Jesus.)

 

Irmãs amigáveis

Caro Editor,
(2) Em 13 de Março de 2016, nós estávamos na grande feira Lotus, próximo de Utrecht, quando duas mulheres excepcionalmente vestidas vieram ao nosso estande. Ambas estavam usando duas longas vestimentas que se pareciam muito similares a uma cafetã Marroquina. A mulher mais baixa usava uma vestimenta cor creme, e a outra uma de cor azul claro. A cor de suas peles era morena, e elas não eram aquilo que poderíamos chamar de bonitas, mas elas eram, aos meus olhos, por causa de suas emanações.

Eu conversei com as duas, começando com a nossa informação, e então disse que nós somos todos irmãos e irmãs, para o qual a mulher em branco disse, “Nós somos irmãs”. Quando eu perguntei à qual ordem elas pertenciam, elas deram risada e falaram “Não, irmãs de verdade”, (eu não consegui perceber isso), e elas falavam tão pouco que eu realmente pensei que elas pertenciam a uma ordem religiosa. Elas eram muito silenciosas e continuaram a olhar para mim, sorrindo de uma forma muito amigável e balançando a cabeça, concordando. Em particular, a mulher de azul tinha olhos muito grandes, e ela continuava olhando para mim, sem piscar. Quando eu disse que eu achei a vestimenta delas linda (mesmo que parecesse que havia uma parte faltando no colarinho da vestimenta branca, o que parecia bem estranho), elas disseram que haviam comprado as roupas em uma feira e as tinham colocado imediatamente. Eu achei uma história estranha.

Você poderia me dizer quem eram essas mulheres amigáveis?
M.o.t.N., Bilthoven, Holanda.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que as mulheres eram amigáveis servas do Mestre Jesus.)

 

Abridor de olhos

Caro Editor,
Em Março de 2016, minha namorada e eu estávamos no caminho para pegarmos a sua filha na escola, quando nós vimos um morador de rua em uma das várias intersecções pelas quais estávamos passando. Nós demos uma olhada em nossos bolsos para procurando por dinheiro; percebendo que não tínhamos nenhum, ela disse, porque não darmos a ele uma das nossas toranjas. Eu dei a ele uma das nossas toranjas e o seu rosto bem simples se iluminou. O homem levantou e começou a andar para o local no qual ele estava anteriormente, mas ele virou, andou novamente em nossa direção e disse: “Muito obrigado, isso é melhor que dinheiro”, com o maior dos sorrisos em seu rosto. Eu fiquei tão tocado pelo seu gesto, e pelo fato de que existem tantas pessoas lá fora que estão simplesmente com fome, que eu comecei a chorar de forma descontrolada por 5 minutos. Depois de alguns minutos pela estrada, nós dois nos perguntamos se, talvez, nós tivemos um encontro com um Mestre, por causa da energia da experiência e da localização do morador de rua.
S.G e Y.P, Raleigh, NC, EUA.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que o morador de rua era um porta-voz do Mestre Jesus.)


 

Sinais dos Tempos

Ícone de João Batista produz óleo

Gotas de fragrância de óleo estiveram caindo do ícone de São João Batista na Igreja Ortodoxa Grega próxima de Chicago, EUA, desde Julho de 2015. Paroquianos da Igreja Ortodoxa Grega da Assunção em Homer Glen, Illinois, onde o milagre está ocorrendo, acreditam que o óleo tem propriedades curativas e que é uma benção de Deus. “É de se tirar o fôlego”, disse o Reverendo Sotirios Dimitriou, o padre da paróquia. “É tão poderoso ver um ato de Deus diante de seus olhos.”

Ícone de João Batista produz óleo

“O óleo, que os paroquianos acreditam ser mirra, sai da auréola do ícone, das asas, mãos e barba”, de acordo com um artigo no Chicago Tribune. “Coletado toda semana por algodão colocado na base do ícone, Dimitriou regularmente coloca o óleo em um jarro, então satura as bolas de algodão, que ele fecha em sacos de plástico e dá para os paroquianos levarem para casa e partilharem com seus entes queridos. Até agora, ele deu mais de 5.000 amostras.”

Dimitrou, que sofre de problemas no sistema nervoso, disse que sua saúde melhorou desde que ele encontrou o milagroso óleo do ícone. Outros também relataram cura pelo óleo. Um homem disse que ele foi para o médico por causa de um bloqueio em sua artéria, mas que o bloqueio tinha desaparecido. Outro paroquiano relatou ter se curado do câncer ao tocar o óleo.

“Quando as pessoas veem isso, é como se fosse um lembrete de que Deus ainda está vivo e trabalhando através de nós, e é um lembrete de que ainda há esperança no mundo para nós,” o Reverendo Dimitriou disse. (Fonte: chicagotribune.com)

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que o milagre está sendo manifestado pelo Mestre Jesus.)

 

Milagre da estigmata em mulher de Samoa

Uma mulher de Samoa, que recebeu feridas que sangram na Sexta-Feira Santa, 25 de Março de 2016, deu origem a uma controvérsia na ilha do Pacífico. A estigmata ocorreu quando Toaipuapuaga Opapo, 23, estava encenando a crucificação de Jesus em uma peça realizada pela sua igreja local, a Igreja Congregacional Cristã de Samoa (CCCS- em inglês). Filmagem da peça mostra sangue caindo de seus braços, e depois, saindo do lado do seu corpo. Ela também tem feridas nas palmas da mão e nos pés, e marcas em sua testa que parecem semelhantes às marcas de uma coroa de espinhos.

Milagre da estigmata em mulher de Samoa

Milagre da estigmata em mulher de Samoa

Em uma entrevista de televisão com a TV1 Samoa, a Sra. Opapo disse: “Eu sou apenas outro ser humano... mas meu corpo foi usado como um lembrete, porque Deus sabe que a fé de seus servos está morrendo.” Ela disse que nos últimos três anos ela teve uma “doença” que fez com que ela tivesse visões.

Milagres da estigmata são, em grande parte, um fenômeno Católico, sendo que os mais famosos casos foram os de São Francisco de Assis e São Pio de Pietrelcina (Papa Pio), embora a Sra. Opapo seja Protestante. Católicos acreditam que ela seja uma manifestação de profunda empatia com o sofrimento de Cristo, mas algumas pessoas de Samoa estão acusando ela de ter falsificado as feridas. Enquanto isso, a CCCS está investigando as reivindicações.

Milagre da estigmata em mulher de Samoa

A Samoa é, em sua maior parte, um país Católico, e o Primeiro Ministro de Samoa, Tuilaepa Sailelel Malielagaoi, chamou o ocorrido de milagre. “Nós deveríamos estar felizes quanto a estes eventos...se eles acontecem com alguém, quer dizer que eles são sagrados”, disse ele para o Samoa Observer. (Fonte: BBC News)

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que o milagre foi manifestado pelo Mestre Jesus.)

 

Sinais em fotos

Sinais em fotos

O Senador Americano Bernie Sanders, apresentando seu trabalho “A Urgência de uma Economia Moral”, no 25º Aniversário do Centesimus Annus, no Vaticano, Roma, em 15 de Abril de 2016.

(A luz brilhante entrando na sala foi confirmada pelo Mestre de Benjamin Creme como sendo uma benção dada pelo Mestre Jesus.)
(Fonte: Michael Shank Twitter)

 

Sinais em fotos

O economista Americano Jeffrey Sachs e o Senador Bernie Sanders no 25º Aniversário do Centesimus Annus, no Vaticano, Roma, em 15 de Abril de 2016.

(As colunas de luz foram confirmadas pelo Mestre de Benjamin Creme como sendo benções dadas pelo Mestre Jesus.)
(Fonte: Michael Shank Twitter)

 

Sinais em fotos

Tirada por J.G., em Lérida, Espanha, em 3 de Maio de 2014, esta fotografia mostra a cerimônia de casamento de sua filha.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que os feixes de luz são benções do Mestre Jesus.)

 

Sinais em fotos

Enviada por J.V., Tortosa, Tarragoa, Espanha, esta fotografia de sua tia de 96 anos de idade M.D., e seu neto, foi tirada em Setembro de 2014.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que a luz cercando-os é uma benção do Mestre Jesus.)

 

Sinais em fotos

Esta fotografia foi tirada no Sábado, 16 de Abril de 2016, e mostra o batismo de Camilo, filho de V.G.G., em Cordoba, Argentina. Enviada por L.F., Malaga, Espanha.

(A brilhante luz vista depois da revelação da foto é, de acordo com o Mestre de Benjamin Creme, uma benção de luz do Mestre Jesus.)

 

Sinais em fotos

Esta fotografia de F.N, com seu filho J.I., foi tirada no Jardim do Samadhi, em San Juan, Argentina, em 15 de Setembro de 2014.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que a coluna de luz é uma benção do Mestre Jesus.)

 

O vulcão Sakurajima, na ilha de Kyushu no Japão, entrou em erupção em 5 de Fevereiro de 2016. Esta fotografia mostra três ÓVNIs (canto superior direito) no céu próximo. (O Mestre de Benjamin Creme confirma que eles eram espaçonaves de Marte.) (Fonte: theaustralian.com.au/news)

O vulcão Sakurajima, na ilha de Kyushu no Japão, entrou em erupção em 5 de Fevereiro de 2016. Esta fotografia mostra três ÓVNIs (canto superior direito) no céu próximo.

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que eles eram espaçonaves de Marte.)
(Fonte: theaustralian.com.au/news)

 

Em 27 de Abril de 2016, E.S., de Auckland, Nova Zelândia, tirou algumas fotos do céu do seu jardim, depois de uma meditação em grupo. Ela relatou: “Repentinamente na fotografia, este lindo objeto colorido apareceu.” (O Mestre de Benjamin Creme confirma que o objeto era uma espaçonave de Júpiter.)


Em 27 de Abril de 2016, E.S., de Auckland, Nova Zelândia, tirou algumas fotos do céu do seu jardim, depois de uma meditação em grupo. Ela relatou: “Repentinamente na fotografia, este lindo objeto colorido apareceu.”

(O Mestre de Benjamin Creme confirma que o objeto era uma espaçonave de Júpiter.)

 


 

Tendências

Maioria das pessoas se identificam como “cidadãos globais”

Mais pessoas se identificam como “cidadãos globais”, do que como cidadãos do país no qual eles vivem, de acordo com uma recente pesquisa internacional. Das 20.000 pessoas dos 18 países entrevistados pela firma de pesquisa de opinião GlobeScan, mais de metade estavam inclinados a se verem como cidadãos do mundo—a primeira vez em 15 anos de pesquisa na qual a maioria se identificou desta forma.

A tendência foi particularmente notável em países em desenvolvimento como China, Índia e Nigéria. Entre países industrializados mais ricos, as pessoas tenderam mais em direção à identificação internacional, e eram mais propensas a verem os aspectos negativos da globalização. A pesquisa refletiu tendências encorajadoras sobre a aceitação do casamento inter-racial entre grupos étnicos, aprovação da imigração e um sentimento de “cidadania global”, refletido ao se tomar responsabilidade por problemas globais.

A pesquisa pinta um quadro geral que “é bem positivo sobre a direção que o mundo está tomando... em direção à uma sociedade mais interconectada”, disse Lionel Bellier, diretor associado da GlobeScan. (Fonte: Common Dreams; The Christian Science Monitor)


mensagem anterior mensagem seguinte


HomeCopa

  | INÍCIO |